Os incríveis animais urbanos

Das florestas selvagens à selva de pedra nos grandes centros urbanos. Até mesmo dentro das grandes cidades podemos encontrar animais incríveis e espetaculares.

 https://bio-orbis.blogspot.com.br/2014/01/animais-urbanos.html

VENHA DESCOBRIR...

Callithrix penicillata
Mico-estrela (Callithrix penicillata). Fonte da imagem - Olhares
Ramphastos dicolorus
Tucano-de-bico-verde (Ramphastos dicolorus). Fonte da imagem - Canto dos Pássaros

Um levantamento da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente de São Paulo atesta: a selva de pedra abriga considerável biodiversidade. Lançado em maio, o inventário contabiliza 700 espécies na maior cidade do hemisfério Sul: aves (372), peixes (23), répteis (40), mamíferos (83), anfíbios (45) e invertebrados (137). Boa parte é endêmica da Mata Atlântica.


Bradypus
Bicho-preguiça-de-três-dedos (Bradypus). Fonte da imagem - IGUI

Mus musculus
Camundongo (Mus musculus). Fonte da imagem - EcoInsect
Dasyprocta
Cutia (Dasyprocta). Fonte da imagem - Acervo pessoal: Annanda Tonini

Os pontos de avistamento, é claro, não são as avenidas movimentadas da região metropolitana, mas sim manchas verdes dispersas e, em sua maioria, distantes do centro, todas as fotos desses animais aqui foram fotografadas no Parque Estadual da Cantareira, por pesquisadores.


Nasua
Quati (Nasua). Fonte da imagem - Saber Animal

Ceratophrys ornata
Sapo-de-chifre (Ceratophrys ornata). Fonte da imagem - Olhares

As pesquisas da secretaria, realizadas desde o início dos anos 1990, detiveram-se em 82 dessas áreas, com destaque ao Parque Estadual da Serra do Mar e á Área de Proteção Ambiental (APA) Capivari-Monos, no extremo sul da cidade.


Aramides saracura
Saracura-do-mato (Aramides saracura). Fonte da imagem - Canto de Pássaros

Pyrrhura frontalis
Tiriba-de-testa-vermelha (Pyrrhura frontalis). Fonte da imagem - Decio Hoffmann

Ali foi observado pela primeira vez, no ano de 2010, um espécime do maior primata do país, o muriqui. "Mas a presença de um animal não significa que ele seja residente. Pode esta em migração", diz o biólogo Otávio Cafundó, especialista em conservação.


Tropidurus
Calango (Tropidurus). Fonte da imagem - Galeria porão

Ameiva ameiva
Calango-verde (Ameiva ameiva). Fonte da imagem - Reptossauros
Referência 
Revista National Geographic Brasil, Edição Especial da Biodiversidade, Novembro de 2010.

E VENHA SEGUIR NOSSAS COLEÇÕES NO GOOGLE+ (CLIQUEM NAS IMAGENS ABAIXO PARA ACESSAR OS LINKS):

 https://plus.google.com/collection/Qu2lQB https://plus.google.com/collection/YU0mQB

 https://plus.google.com/collection/8ZnoQB https://plus.google.com/collection/wb6lQB https://plus.google.com/collection/UNFrQB

Nenhum comentário:

Postar um comentário