quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Partes do nosso corpo que não são mais utilizadas

E que provavelmente deixarão de existir ao longo do tempo...


 https://bio-orbis.blogspot.com.br/2014/01/partes-do-nosso-corpo-que-nao-sao-mais.html

VAMOS DESCOBRIR...


Dedo mindinho

Fonte da imagem: clubecetico.org.

O dedo mindinho tinha a função de garantir o equilíbrio, porém, hoje não é mais necessário, sendo substituído pelo dedão do . Um dos fatores que comprova isso é a sua diminuição gradativa ao longo dos tempos.

Apêndice

Apêndice vermiforme. Fonte da imagem: Muito bom.

A principal função do apêndice é digerir celulose. Um grande demonstração de que um dia tivemos antepassados que se alimentavam consideravelmente de plantas.

Porém hoje, somos onívoros, os alimentamos de praticamente tudo e conseguimos absorver nutrientes de diferentes modos.

No entanto, há muita discussão no meio científico sobre a verdadeira função deste órgão, que só se salienta quando ocorre a apendicite.

Dente do siso

Fonte da imagem: saudemedicina.com.

Os dentes do siso também conhecidos como terceiros molares eram utilizados por nossos ancestrais na alimentação e tinha a função de triturar o alimento. Naqueles tempos a alimentação era bem rústica, sendo composta basicamente de alimentos duros como, ossos, raízes, carne crua, entre outros. Atualmente, com a drástica mudança de alimentação que sofremos, esses dentes utilizados para a trituração foram substituídos por outros e  tendem a desaparecer.

Cóccix


Fonte da imagem: assombrado.com.br.

O cóccix é a parte final da coluna vertebral o que um dia foi a cauda. no passado,quando andávamos de quatro, era uma das partes mais importantes do corpo. Atualmente,se desenvolve  até a 8ª semana de vida.



Músculo palmar


Fonte da imagem: es.wikipedia.org.

O músculo vai do cotovelo até ao punhoAntigamente, era usado nas escaladas. Cerca de 11% da população mundial já não o tem no corpo.

Costelas do pescoço

Fonte da imagem: hojedescobri.com.

São provavelmente resquícios da era dos répteis. Cerca de 1% da população ainda as possui.



E NÃO DEIXE DE SEGUIR NOSSAS INCRÍVEIS COLEÇÕES NO GOOGLE+, É SÓ CLICAR NAS IMAGENS ABAIXO PARA ACESSAR OS LINKS:

 https://plus.google.com/collection/YLgT0 https://plus.google.com/collection/Ut3sQB https://plus.google.com/collection/0LmdQB

Nenhum comentário:

Postar um comentário