Paz no aquário

Eles não emitem ruídos, são curiosos e, por vezes, até mesmo cômicos. Mas será que o ambiente em que os peixes ornamentais vivem influencia o modo como se comportam?

 https://bio-orbis.blogspot.com.br/2014/01/paz-no-aquario.html
Aquário. Fonte da imagem: Melhores Amigos.

VAMOS DESCOBRIR...

É bem isso o que ocorre, diz o biólogo Ronald Oldfield, autor de um novo estudo. Usando filhotes de um peixe tropical comum, o ciclídeo Midas (Amphilophus citrinellus), Oldfield notou que, em um aquário doméstico, os peixes mordiscavam e atacavam uns aos outros. A agressividade, porém, não se manifestava em um tanque de 375 litros dotado de plantas e recessos.


Amphilophus citrinellus
Midas (Amphilophus citrinellus). Fonte da imagem: publicdomainpictures.

AMBIENTES NÃO NATURAIS

Em ambientes apertados e despojados, segundo Oldfield, o comportamento agressivo torna-se vantajoso, pois os peixes não têm nada mais para fazer.


Mas, em acomodações espaçosas e com vários objetos que interrompem a linda visão, os peixes concentram sua energia na exploração do local, e não em brigas com os outros indivíduos.


aquário
Fonte da imagem: pixabay.

Oldfield espera que o estudo leve os donos de aquários a ver de outro modo os lares de seus amigos escamosos. Pois eles também merecem um lugar confortável para viver, já que foram tirados de seus habitats naturais.

Referência
Revista National Geographic Brasil, Junho de 2012, Edição Especial Rio + 20.

Para finalizar veja um vídeo do canal Amantes do Aquarismo, sobre Os 10 peixes mais FÁCEIS de se criar em aquário!:




E VENHA NOS SEGUIR NAS COLEÇÕES DO GOOGLE+, ONDE TEM TODAS NOSSAS POSTAGENS POR CATEGORIAS, É SÓ CLICAR NAS IMAGENS:

 https://plus.google.com/collection/YU0mQB https://plus.google.com/collection/ARSoQB https://plus.google.com/collection/YLgT0

Nenhum comentário:

Postar um comentário