Vocês conhecem a lula gigante?

Muitos achavam que ela era um mito, uma lenda, por anos somente era encontrada morta em praias, mas uma descoberta de pesquisadores e da Dicovery Channel, conseguiram registrar esse incrível e extraordinário animal em fotos e vídeos.

 https://bio-orbis.blogspot.com/2014/10/voces-conhecem-lula-gigante.html
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

VAMOS DESCOBRIR...

O que tem oito braços com centenas de ventosas, olhos do tamanho de uma laranja e um bico afiado? Uma lula-gigante

Uma equipe de cientistas e o Discovery Channel registraram imagens deste animal arisco em ação. Veja outras imagens dessa fantástica criatura marinha.

Os primeiros avistamentos de lulas-gigantes


Ilhas-Canárias-lula-gigante
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

As lulas-gigantes dominam, e aterrorizam, a imaginação dos marinheiros há séculos. Esta ilustração francesa retrata uma lula-gigante observada em Tenerife, nas Ilhas Canárias, em novembro de 1861.



Na Tasmânia


Funcionários do Serviço de Parques da Tasmânia examinam um lula-gigante que encalhou em Ocean Beach, Strahan, Tasmânia, em julho de 2007.

Tasmânia-lula-gigante
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

A lula, de um metro de largura por oito de comprimento, da ponta da cabeça às extremidades dos tentáculos, foi encontrada na costa oeste da Tasmânia.


O monstro do capitão Nemo


monstro-capitão-Nemo
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

O capitão Nemo observa uma lula-gigante a bordo do submarino futurista Nautilus. Seu encontro com o monstro marinho é uma das cenas mais famosas do romance clássico de Júlio Verne, 20 Mil Léguas Submarinas.


A busca pela lula-gigante


biólogo-marinho-lula-gigante
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

O biólogo marinho Steve O'Shea (esquerda) e sua equipe analisam uma lula-gigante que encalhou em uma praia. O'Shea é um dos maiores especialistas do mundo na espécie. Os maiores exemplares que já estudou são animais mortos encalhados em praias.





Uma lula-gigante vem à tona

Uma lula-gigante de sete metros, atraída por uma isca, é içada por uma equipe de pesquisadores japoneses no norte do Oceano Pacífico, em 4 de dezembro de 2006.

lula-gigante
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

Os pesquisadores do Museu Científico Nacional do Japão conseguiram filmar esta lula-gigante ainda viva, 960 quilômetros a sudeste de Tóquio, mas o animal morreu durante o içamento.


Uma lula-gigante no fundo do mar


Em janeiro de 2013, pesquisadores japoneses a bordo de um submarino registraram esta rara imagem de uma lula-gigante em seu habitat no fundo do mar. A equipe acompanhou a lula até 900 metros de profundidade no norte do Oceano Pacífico.

lula-gigante
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

Através de espécimes encalhados nas praias, sabe-se que as lulas-gigantes alcançam 13 metros de comprimento e pesam até 275 quilos.



Olho de lula-gigante


Esta imagem gerada por computador mostra o olho de uma lula-gigante do tamanho de uma laranja.

lula-gigante
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

Seus olhos enormes, cuja estrutura é semelhante à do olho humano, permitem que o animal enxergue na pouca luminosidade de seu habitat nas profundezas do mar.


As incríveis cores das lulas


O que confere o tom verde a esta lula-gigante-de-humboldt? É sua cor natural? É a luz do submarino? Um mecanismo de defesa?


lula-gigante
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

As lulas-gigantes não têm uma coloração fixa, mas mudam de cor com base em muitos fatores, como o ambiente, a atividade e as oscilações de “humor”.




Lula em movimento


lula-gigante
Fonte da imagem: Discovery Brasil.

As lulas são as mais rápidas entre as criaturas do mar. Elas contam com um sistema de locomoção singular, que combina jato pulsado com o movimento das barbatanas.




Vejam um vídeo dela no Japão, do canal afpbr:


Referência 
Discovery Brasil

E NÃO DEIXEM DE SEGUIR NOSSAS COLEÇÕES NO GOOGLE+, QUE ESTÃO INCRÍVEIS (CLIQUEM NAS IMAGENS ABAIXO): 

 https://plus.google.com/collection/YU0mQB https://plus.google.com/collection/YLgT0 https://plus.google.com/collection/Ut3sQB

Um comentário:

  1. Esse bicho é fascinante. Comunicam-se entre si e atacam em bandos. Aposto que será a próxima espécie inteligente, se a humanidade não destruir esse planeta com sujeiras e porcarias industrializadas.

    ResponderExcluir