segunda-feira, 18 de maio de 2015

O mais antigo ancestral conhecido de pássaros modernos

Uma equipe internacional de paleontólogos chineses descreveram um novo pássaro que viveu durante o Cretáceo, cerca de 131 milhões anos atrás.

 http://www.bioorbis.org/2015/05/mais-antigo-ancestral-conhecido-de.html
Este seria o ancestral mais antigo das aves. Fonte da imagem: sciencenews.

VAMOS DESCOBRIR...

O novo pássaro pertence ao grupo Ornithuromorpha, um clado das aves que contém todas as espécies extintas e existentes, mas não as espécies pertencentes do período Mesozoico.

Até agora, o registro mais antigo desse grupo foi da formação de Yixian, do Cretáceo (125 milhões de anos atras), os fósseis da avifauna mais importantes e diversificados conhecidos pelos paleontólogos.

O pássaro, chamado de Archaeornithura meemannae, representa um novo gênero e espécie, e sua descoberta foi relatada na revista Nature.


Archaeornithura meemannae, media cerca de 15 cm de altura sobre duas pernas que não tinham penas. Crédito da imagem: Zongda Zhang / Instituto de Paleontologia de Vertebrados e Paleoantropologia, Bejing.

O nome do gênero, Archaeornithura, é derivado do grego 'Archae' e 'ornithura', que significa "ave verdadeira antiga." Já meemannae homenageia o paleontólogo Dr. Meemann Chang, por seu apoio contínuo do estudo do Jehol Biota.

Dois esqueletos parciais de Archaeornithura meemannae foram recuperados a partir da Formação Huajiying na bacia Sichakou, Fengning County, Hebei, nordeste da China.

"Os espécimes preservados: a plumagem bastante avançada incluindo uma álula bem desenvolvida e rectrizes em forma de leque. Tanto a álula e uma cauda em forma de leque são aerodinamicamente importante para as aves que possuem o voo lento e aumenta a capacidade de manobra ", disseram os paleontólogos.

"Fósseis de pássaros são extremamente raros no registro fóssil do Mesozoico, e até que a riqueza de espécimes descobertas a partir de depósitos do Cretáceo no nordeste da China, muito pouco se sabia sobre a evolução inicial das aves."

Fóssil de Archaeornithura meemannae. Abreviaturas anatômicas: co - coracoide; cv - vértebras cervicais; fe - fêmur; fi - fíbula; fu - fúrcula; hu - úmero; ra - raio; re - rectrizes; ti - tibiotarso; tm - tarso metatarso; ul - ulna. Barra de escala - 10 mm. Crédito da imagem: Min Wang et al.

"A nova espécie lança uma janela única para a biologia e morfologia das mais antigas aves conhecidas."

"Até agora não há Euornithes (aves verdadeiras) que tenham sido descritos a partir da Formação Huajiying, que preserva muito poucas aves fósseis; porque a diversidade é baixa e área geográfica é restrita, a Formação Huajiying é interpretada como o mais diversificação do que a Jehol Biota ".

"No entanto, a descoberta de uma nova espécie, pertencentes ao clado especializado de limícolas, a família Hongshanornithidae, indica que os próprios Euornithes já foram bastante especializados neste momento da sua evolução."

"Isso também apoia fortemente inferências que este clado originou em um ambiente semi-aquático."

Os dois espécimes de Archaeornithura meemannae estão sendo preservados no Museu de História Natural Tianyu no Shandong e são acessíveis ao público.

Fonte: Sri-News.com

E NÃO DEIXE DE SEGUIR NOSSAS COLEÇÕES NO GOOGLE+, É SÓ CLICAR NAS IMAGENS ABAIXO PARA ACESSAR OS LINKS:

 https://plus.google.com/collection/cI6dQB https://plus.google.com/collection/Ut3sQB

 https://plus.google.com/collection/Qu2lQB https://plus.google.com/collection/YU0mQB

2 comentários:

  1. Hoje nossos dois blogs estão dividindo as postagens do topo do Agregador Trendstops!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Thiago!

      Realmente, vimos e ficamos felizes demais! E o mais bacana é que os temas das postagens é parecido, ambos sobre aves.

      Grande abraço Thiago.

      Excluir