Aranha-boleadeira: lançar e capturar

Alimento é essencial para a sobrevivência de qualquer espécie, mas consegui-lo não é lá uma tarefa muito fácil.

 https://bio-orbis.blogspot.com/2014/06/aranha-boleadeira-lancar-e-capturar.html
A aranha-boleadeira (Cladomelea sp). Fonte da imagem: Ritos Ocultos.

VAMOS DESCOBRIR...


A BUSCA POR ALIMENTO


A arara-azul usa seu bico grande e robusto para quebrar as sementes de palmeiras, a onça-pintada crava os caninos na cabeça da presa e perfura o crânio da vítima até chegar ao cérebro, as borboletas possuem uma espécie de canudo para alcançar o néctar na base das flores.



No entanto, nem todos os animais estão equipados com as ferramentas necessárias para pegar a comida. Para as aranhas-boleadeiras é necessário fabricar a isca e a arma para conseguir uma refeição.

Figura 2. A aranha-bola da espécie Mastophora corumbatai, encontrada aqui no Brasil. Fonte da imagem: alchetron

AS ARANHAS-BOLEADEIRAS: LANÇANDO A TEIA PARA CAPTURAR


As aranhas-boleadeiras (Cladomelea sp.) são encontradas na África, na Austrália e nas Américas. Durante o dia descansam e tentam passar despercebidas pelos predadores. Algumas encolhem as pernas e ficam parecidas com fezes de passarinho, outras se enrolam em uma folha para se esconder (veja na Figura 2).

Figura 3. Aranha-boleadeira em ação (Cladomelea sp.). Fonte da imagem: flickr. Foto por: Bernard DUPONT.

Quando chega a noite, a aranha vai para baixo de uma folha e produz um fio de seda com uma bola pegajosa na ponta (veja na Figura 3). Depois ela pega esse filamento com uma de suas patas dianteiras e o usa como uma boleadeira.


Caçar insetos com essa arma é difícil, mas a aranha tem iscas para atrair suas presas. Ela produz substâncias que imitam os feromônios de fêmeas de mariposas. Os machos, na esperança de arrumar uma parceira, são atraídos pelo cheiro, chegam cada vez mais perto e acabam capturados pela bola grudenta. A boleadeira desce pelo fio de seda, empacota o inseto e continua a caçada. Ela pode variar o cardápio produzindo feromônios diferentes para atrair mariposas diferentes.



Esses aracnídeos são a prova de que o comportamento é tão importante quanto as características físicas na luta pela sobrevivência.

Referência
EDITORE, Alberto Peruzzo. Autênticos insetos de coleção. Insetos, aracnídeos e outros artrópodes. A natureza de 1000 formas e cores, 2008

Para finalizar veja um vídeo do canal Associação Brasileira de Aracnófilos sobre Aranhas e Suas Estratégias n° 1: Bola Spider (ative as legendas):


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.