Tudo (ou quase) sobre as girafas

Com pescoços que pode chegar a 4 metros de comprimento, a girafa é o mamífero mais alto do mundo.

Fonte da imagem: Bahia IG

VAMOS DESCOBRIR...

Originária da África, este ruminante se alimenta de arbustos, flores e frutos. Quando ainda é pequena e não alcança as copas das árvores e plantas mais altas, se alimenta de capim. Conheça, aqui, algumas curiosidades sobre o comportamento deste animal tão vistoso. Seu estado de conservação é pouco preocupante pela IUCN.

EM BANDOS

As girafas são gregários - animais que têm como característica a vida em grupo. Geralmente, se juntam em mais ou menos 7 indivíduos, formados por filhotes e fêmeas, tendo um macho como líder do bando. Os grupos podem ser mais numerosos quando há grande quantidade de alimento.

Philip Sheldrake/ Creative Commons

Vale dizer que, pra sobreviver, à selva é preciso ficar esperto, então quando as girafas comem, tomam água ou dormem, um dos membros sempre vigia seu sono, atento aos predadores.


LINGUARUDAS

Pixabay/Domínio Público

Sua língua pode medir até 45 centímetros e é super flexível, por isso, as girafas são os únicos animais que conseguem lamber suas orelhas. É com ela que as girafas conseguem colher as folhas das copas das árvores para se alimentar.

GIRAFAS TAMBÉM AMAM

Matthew Westercamp/ Creative Commons

Esses bichos também demonstram seu amor nas alturas, claro! Quando estão apaixonadas, cruzam seus pescoços e os esfregam em sinal de afeto. Os machos também usam o pescoço na conquista da fêmea já que, para ficar com elas, lutam com outros machos. E, aí, dá-lhe pescoçadas!

SILENCIOSAS

Pixabay/Domínio Público

Antigamente, acreditava-se que as girafas eram mudas! Isso porque são extremamente silenciosas, tímidas e poucas pessoas já as ouviram fazendo algum barulho. Mas as girafas produzem diferentes grunhidos, breves e discretos. Os períodos mais propícios para se ouvir esses animais acontecem na época do acasalamento e quando são filhotes.

CADA UM COM SUA DIGITAL

Pixabay/Domínio Público

Assim como os humanos têm digitais únicas, as girafas têm pelagens exclusivas, com manchas únicas também. Os machos geralmente têm pelos mais escuros do que as fêmeas. O padrão de manchas (tonalidade e forma) varia de acordo com a subespécie à qual o animal pertence: as manchas podem ser uniformes ou irregulares, muito pequenas ou grandes, parecer uma rede, próximas ou espaçadas… A variedade de desenhos é infinita.

ALMOÇO O DIA INTEIRO

Não seria exagero dizer que as girafas comem todo o tempo. Em geral, elas passam quase 20 horas por dia comendo! Isso porque as folhas são alimentos com baixo teor nutritivo e, para matar a fome, elas precisam ingerir grandes quantidades. Já pensou manter firmes até 6 metros de altura? Com esse tamanho, saco vazio não para em pé, né?

Pixabay/Domínio Público

Por conta de sua altura, as girafas preferem se alimentar de arbustos. É mais prático porque não conseguem se abaixar com facilidade e têm que afastar as patas dianteiras para conseguir alcançar o chão. Então, elas preferem não pastar. Já os bebês-girafa, também por conta da altura, fazem o inverso.

E O SONO NO ENTANTO…

...quase não existe! As girafas tiram pequenos cochilos. Ao todo dormem aproximadamente duas horas por dia, mas esse sono é dividido ao longo do dia e da noite. São cochilos tão rápidos que as girafas costumam dormir em pé, acredita? Mas, quando precisam de sonos mais profundos, as girafas, graciosamente, se deitam e apoiam a cabeça na parte de trás do corpo. Nada como ter um pescoço é longo...

Denisbin/ Creative Commons

E sabe por que as girafas passam grande parte do tempo acordadas? Para evitar ataques de predadores. As adultas evitam dormir deitadas pois, com a dificuldade de se levantar, se tornam presas muito vulneráveis.

JÁ NASCEM CORREDORAS

O período de gestação gira em torno de 450 dias e o filhote já nasce bem desenvolvido. Tanto que, depois de uma hora do seu nascimento, já são capazes de andar. Essa característica é bem importante para os animais pastadores, pois os grandes felinos são ótimos caçadores e bons em localizar presas indefesas.

Brian Gratwicke/ Creative Commons

Outro fato curioso sobre as girafas bebês é que já nascem com mais ou menos 100 kg e com 1,5 m de altura! Como as girafas não se deitam para dar a luz, seus filhotes despencam 2,5 metros de altura direto pro chão. De início, eles têm um pouco de dificuldade em controlar o longo pescoço, mas logo que nascem suas mães já tentam ajudá-los a se levantar e começar a andar para que possam acompanhar o bando.

Fonte: Planeta Sustentável

 E VENHA SEGUIR NOSSA COLEÇÕES NO GOOGLE+, É SÓ CLICAR NAS IMAGENS ABAIXO PARA ACESSAR OS LINKS:

 https://plus.google.com/collection/8ZnoQB https://plus.google.com/collection/o9fhQB https://plus.google.com/collection/YU0mQB

4 comentários:

  1. Vi no Animal Planeta um vídeo que a girafa não conseguia levantar,nao tendo como ajudar deixaram ela a própria sorte!A noite vieram os animais predadores,tudo foi filmado pois era para um documentário.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, isso é filmagem rara, triste mas é a realidade para esses incríveis animais. Temos que sempre lembrar que na Natureza os animais tem que sobreviver a qualquer custo, a olho por olho e dente por dente, literalmente.

      Agradecemos pelo comentário,

      Abraços, Equipe BioOrbis.

      Excluir
  2. acho as girafas lindas otinas informações obrigada

    ResponderExcluir